quinta-feira, 5 de maio de 2016

Bar é poesia (Preguiça)




Preguiça



(luiz alfredo motta fontana)








Como no por de sol baiano
que se atrasa nos carinhos
Como na brisa
que busca, sem pressa, a folhagem
Na certeza do encontro, ainda que, findo o motivo
a tradução é a mesma
Preguiça

Um comentário:

  1. Estou aqui...Deliciando-me em teus escritos
    Belos!
    Jani

    ResponderExcluir